O sonho de toda criança é ter um carro. Enquanto a idade adequada demora a chegar, o jeito é improvisar. Foi pensando nisso que a indústria dos brinquedos passou a investir na criação do carrinho de controle remoto que imita os carros normais dos adultos. Existem vários modelos disponíveis no mercado, de diversos tipos, formatos e velocidades.

Quem é pai e está em busca de um carrinho para o seu filho, muitas dúvidas começam a tomar conta na hora da pesquisa. Será que o carrinho não é muito rápido para o meu filho? Vale a pena investir tanto dinheiro em um brinquedo que ele pode quebrar de repente? Quais seriam os danos que preciso suportar caso ele acabe se envolvendo em um acidente no playground?

Para sua sorte, você chegou ao artigo que vai te ajudar a escolher o melhor carrinho de controle remoto para o seu filho. Separamos algumas dicas para te ajudar na sua jornada e com certeza ao terminar de ler o que temos a dizer estará mais preparado do nunca para comprar o carrinho mais adequado para o seu filho ou filha.

Pesquise a faixa etária

A legislação de brinquedos do Brasil estabelece que toda empresa que comercializa qualquer tipo de brinquedo deve informar na caixa a faixa etária adequada para determinado objeto. Assim, buscando por essa informação antes de adquirir o carrinho, você saberá se realmente o brinquedo foi desenvolvido para a faixa etária do seu filho ou não.

Existem carrinhos de controle remoto desenvolvidos para diferentes públicos. Desde os mais simples voltados para crianças na tenra idade até os mais complexos e à gasolina para adolescentes e adultos. Basta saber a idade da criança que vai receber o carrinho para encontrar o brinquedo adequado.

Consulte os movimentos

Um carro comum faz uma série de movimentos, controláveis a partir de um volante. Os carrinhos de brinquedos funcionam da mesma forma, porém, são controláveis a partir de um controle. Assim, existe uma certa limitação na hora de controlar um carrinho de brinquedo, o que pode acabar prejudicando a brincadeira das crianças.

Alguns carrinhos contam com apenas dois movimentos, para frente e para trás. Esses são os modelos mais simples e indicados para crianças mais novas, que ainda não têm noção exata de espaço. Porém, indicamos que você busque por carrinhos com, no mínimo, quatro movimentos. Assim, seu filho vai saber que dá para virar para direita e para esquerda.

Verifique o tipo de bateria

As pilhas podem ser tornar um problema para muitos países, isso porque, esses carrinhos de controle por pilhas acabam consumindo uma quantidade enorme de pilhas. Dessa forma, para quem quer economizar com o custo da brincadeira, aconselhamos comprar carrinhos com bateria recarregável. Dessa forma, depois que a brincadeira acabar e enquanto o seu filho dorme, é só plugar o carrinho na tomada e esperar que ele carregue. Em poucas horas e, no máximo, na manhã do dia seguinte, o carrinho de brinquedo estará novo em folho, pronto para ser usado pela criança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui